DIETA LOW CARB: SERÁ QUE FUNCIONA?
Sex, 29 de Janeiro de 2021 15:24

DIETA LOW CARB: SERÁ QUE FUNCIONA?


A dieta Low Carb ou de Baixo Carboidrato é uma das estratégias mais divulgadas e utilizadas para emagrecer. Mas será mesmo que essa estratégia funciona?

E porque essa dieta é tão utilizada? Porque, em geral, quem quer emagrecer tem pressa e essa dieta mostra uma perda de peso rápida. Porém, sem consistência porque as pessoas voltam a ganhar peso.

Primeiramente é importante entender o que é CARBOIDRATO. Esse nutriente é composto por carbono, hidrogênio e oxigênio, fornece 4 kcalorias por grama, e é o primeiro nutriente utilizado pelo organismo para produção de energia, através da glicose, que é uma molécula resultante da digestão do carboidrato pelo organismo.

O processo de produção de energia envolve o uso da glicose e a beta-oxidação (ou a queima de gordura) através da respiração. O ato de inspirarmos oxigênio e liberarmos gás carbônico e água na expiração nos faz usar a glicose para a produção de energia para o corpo.

Encontramos carboidratos nos:

  • Legumes: batata, cenoura, beterraba, etc.,
  • Frutas,
  • Cereais: arroz, milho, trigo, aveia, etc.,
  • Leguminosas: feijão, grão de bico, lentilha, etc.,
  • Verduras,
  • Leite e derivados.

Em uma dieta equilibrada, o consumo de carboidrato está em torno de 45 a 65% do valor energético total, ou seja, se o consumo do indivíduo for de 2.000 kcalorias, de 900 a 1.300 kcalorias serão fornecidas através dos carboidratos. Na dieta low carb, esse consumo cai para menos de 35% ou 700 kcalorias.

Os efeitos colaterais da dieta low carb são:

  • Desidratação
  • Dor de cabeça
  • Tontura
  • Desorientação
  • Perda de massa muscular
  • Mau humor
  • Insônia
  • Mau hálito

O mais adequado para a perda de peso seria um tratamento personalizado porque as causas pelas quais as pessoas engordam são variadas e devem ser analisadas individualmente.

É fundamental entender como é a relação que o indivíduo tem com o próprio corpo e com a alimentação, e qual a influência que os meios de comunicação (mídias sociais), família, amigos, têm sobre a impressão dele sobre o próprio corpo.

O tratamento deve ajudar o indivíduo a:

  • Desenvolver o espírito crítico através do conhecimento adequado sobre alimentação,
  • Estabelecer uma rotina de vida saudável,
  • Estabelecer uma meta de corpo ideal,
  • Desenvolver a aceitação do próprio corpo.

Porque existem saúde e beleza em qualquer corpo.

 

 

 

Andréia Carrara

Nutricionista

www.andreianutricionista.com.br